Statement on Coronavirus (COVID-19)

 

UPDATED March 20, 2020 12:30 pm AEST.

Mensagem de nosso presidente e CEO, Marc Lautenbarg

Por 100 anos, a Pitney Bowes foi guiada pelo valor de "fazer a coisa certa, da maneira certa". Nunca foi tão importante viver de acordo com esse princípio, para respondemos a essa ameaça sem precedentes.

A Pitney Bowes está monitorando de perto o impacto do coronavírus (COVID-19) em nível global e local em todas suas unidades de negócios. Estamos comprometidos em fazer a coisa certa para nossos colaboradores, clientes e parceiros durante esse período de incertezas.

Nosso coração está com todos que foram afetados por esse vírus e somos gratos pelos profissionais de saúde que estão atendendo aos doentes e trabalhando incansavelmente para conter a propagação.

Sob circunstâncias extremamente adversas, estamos vendo o melhor das pessoas quando nos unimos para combater essa pandemia global.

A saúde, o bem-estar e a segurança de nossos colaboradores, clientes, parceiros e comunidades continuam sendo nossa maior prioridade.

Estamos monitorando continuamente o impacto do coronavírus e aderimos às recomendações do Centro de Controle de Doenças (CDC) e Organizações Mundiais de Saúde (OMS). De nossa parte, continuaremos a tomar as medidas necessárias para garantir que nosso ambiente de trabalho e colaboradores estejam seguros e saudáveis. É importante observar que tanto a OMS quanto o CDC aconselharam que há um risco mínimo de transmissão do vírus pelo manuseio de pacotes e encomendas.

A Pitney Bowes e todos os nossos escritórios e centros operacionais permanecem abertos para negócios, mas estamos tomando medidas para reduzir a exposição desnecessária e a densidade populacional.

Nossos planos de continuidade de negócios foram projetados para lidar com várias ameaças e vulnerabilidades, incluindo respostas à pandemia e ao alto absenteísmo.

Estratégias para responder a uma pandemia estão incorporadas ao nosso plano de continuidade e metodologia de resposta a emergências.

Temos planos detalhados para proteger nosso pessoal e limitar a propagação de doenças. Todos os colaboradores que podem trabalhar em casa agora estão fazendo isso e as reuniões estão sendo realizadas virtualmente.

Suspendemos todas as visitas de clientes, parceiros e locais não essenciais a nossas instalações.

Uma equipe principal foi estabelecida para garantir que as decisões que tomamos sejam baseadas nas informações mais atualizadas e com foco no bem-estar de cada um de nossos colaboradores, clientes e parceiros.

Apesar dos enormes desafios, a equipe da Pitney Bowes está comprometida em fornecer perfeitamente o serviço e o suporte dos quais você depende.

Estamos tomando as medidas necessárias para minimizar interrupções e lidar com possíveis interferências, adaptando-nos a uma nova maneira de fazer negócios.

Nossos funcionários se orgulham do trabalho que realizam para ajudar as empresas e impulsionar o comércio. O Departamento de Segurança Interna do Governo Federal dos Estados Unidos, designou o que fazemos como parte de um serviço essencial. Como fornecedor de "Infraestrutura crítica essencial", o envio de cartas e pacotes é fundamental para nossa economia e entendemos que é vital para seus negócios. Saiba que estamos aqui para apoiar o seu negócio, como temos nos últimos 100 anos.

 

UPDATED March 20, 2020 11:00 am AEST.

A segurança de nossos clientes, colaboradores e fornecedores é nossa prioridade.

Tendo em vista o decreto de pandemia para o COVID-19, a Pitney Bowes está monitorando a situação em nível global e local para todas as unidades de negócios da Pitney Bowes. Estamos seguindo as diretrizes da Organização Mundial da Saúde (OMS) e dos Centros de Controle de Doenças. Instituímos as seguintes políticas e procedimentos relacionados ao COVID-19.

• Proibimos viagens de negócios

• Reforçamos a necessidade de seguir as diretrizes e recomendações das autoridades locais.

• Implementamos trabalho remoto para colaboradores do Back-Office (Adm, Finanças, RH, Tecnologia, Marketing, Legal) 

• As reuniões estão sendo realizadas virtualmente e não pessoalmente.

• criamos um Comitê de Crise que tem por objetivo definir os protocolos de prevenção, identificação e tratamento de casos de coronavírus

• recomendamos que suspeitas e casos confirmados devem ser comunicados, diretamente, ao gestor imediato e RH para as devidas tratativas. Hospitais e postos devem ser acessados, somente, caso apresentem os principais sintomas da doença como febre alta e dificuldade de respirar. Não é recomendado buscar atendimento, caso não tenham todos os sintomas, para evitar contaminação.

• Estamos fazendo a limpeza de objetos e superfícies tocados com frequência em nossas dependencias, incluindo artigos eletrônicos, celulares e notebooks.

• Recomendamos que cumprimentos sejam feitos a distancia evitando apertos de mãos e abraços.

Quanto ao manuseio de correspondência e pacotes, tanto a Organização Mundial de Saúde (OMS) quanto os Centros de Controle de Doenças informaram que o risco de transmissão do vírus por pacotes é mínimo.